A FORMAÇÃO DOCENTE PARA ATUAÇÃO NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: CAMINHOS PELO DIREITO DE APRENDER

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26694/rles.v25i49.2772

Palavras-chave:

Educação de Jovens e Adultos. Educação Básica. Formação Docente.

Resumo

Neste trabalho investigou-se o atual cenário da formação docente para Educação de Jovens e Adultos (EJA) no Brasil. Na primeira parte apresentamos uma análise descritiva da atual legislação sobre a EJA e sobre a formação inicial e continuada de professores, contextualizando a modalidade como de estratégica relevância para a Educação Básica, Em seguida, discutimos a importância e atualidade de pautar a formação de professores para a EJA, à luz das mais recentes normatizações instituídas e a partir das concepções e perspectivas teóricas de referência, como Arroyo (2006, 2017), Di Pierro (2006) e Freire (1996). A partir do desenvolvimento e análise de investigação empírica, verificamos os contextos e perspectivas de professores atuantes na EJA, de uma escola do Ensino Fundamental e Médio de um município do estado de Goiás. Por fim, o texto encaminha-se para, a partir das análises e concepções investigadas, refletir sobre possíveis caminhos para o desenvolvimento da EJA no país e o alcance dos objetivos esperados de tal modalidade.

Biografia do Autor

RENATO DE OLIVEIRA BRITO, Universidade Católica de Brasília.

Doutor, Mestre em Educação e Bacharel em Direito pela Universidade Católica de Brasília. Docente/Pesquisador Permanente e Coordenador do Programa Stricto Sensu de Mestrado e Doutorado em Educação da Universidade Católica de Brasília. Membro do Conselho Superior (CONSUN) da UCB (Mandato 2019-2023). Atualmente está como Diretor de Formação Docente e Valorização de Profissionais da Educação do Ministério da Educação (MEC). Participa nos Grupos de Pesquisa: "Políticas Federais de Educação" (Líder) e "Comunidade Escolar: Encontros e Diálogos Educativos" (Pesquisador). Membro do Conselho Ad hoc da Revista "Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação" (CESGRANRIO). Membro do Conselho Editorial da Revista "Cadernos do FNDE". Membro da Cátedra UNESCO de Juventude, Educação e Sociedade. Membro do Comitê de Avaliação de Periódicos CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior).

Referências

ALMEIDA et al. Tecnologia na Escola: abordagem pedagógica e abordagem técnica. São Paulo: Cengage Learning, 2014.

ARROYO, Miguel. Formar educadoras e educadores de jovens e adultos. In: SOARES, Leôncio (Org). Formação de educadores de jovens e adultos. Belo Horizonte/MG, Autêntica. SECAD-MEC/UNESCO, 2006.

ARROYO, Miguel G. Passageiros da Noite. Do trabalho para a EJA. Itinerários pelo Direito a Uma Vida Justa – Petrópolis/ RJ: Vozes, 2017.

BORGES, Liana. Duas experiências em duas redes de formação. Aprendizados e desafios. In: SOARES, Leôncio (Org). Formação de educadores de jovens e adultos. Belo Horizonte/MG, Autêntica. SECAD-MEC/UNESCO, 2006.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm> Acesso em 26 março 2021.

BRASIL. Lei 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm> Acesso em 26 março 2021.

BRASIL. Lei 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação - PNE e dá outras providências. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2014/lei/l13005.htm> Acesso em 26 março 2021.

CALÇADE, Paula. Nova Escola. O Brasil está mesmo alfabetizado? Disponível em: <https://novaescola.org.br/conteudo/15927/o-brasil-esta-mesmo-alfabetizado> Acesso em: 30 março 2021

CNE. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CEB nº 1, de 5 de julho de 2000. Estabelece as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação e Jovens e Adultos. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/CEB012000.pdf> Acesso em: 02 abril 2021.

CNE. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CEB, nº 03, de 15 de julho de 2010. Institui Diretrizes Operacionais para a Educação de Jovens e Adultos nos aspectos relativos à duração dos cursos e idade mínima para ingresso nos cursos de EJA; idade mínima e certificação nos exames de EJA; e Educação de Jovens e Adultos desenvolvida por meio da Educação a Distância. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=5642-rceb003-10&category_slug=junho-2010-pdf&Itemid=30192> Acesso em: 31 março 2021.

CNE. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP nº 02, de 22 de dezembro de 2017. Institui e orienta a implantação da Base Nacional Comum Curricular, a ser respeitada obrigatoriamente ao longo das etapas e respectivas modalidades no âmbito da Educação Básica Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=79631-

rcp002-17-pdf&category_slug=dezembro-2017-pdf&Itemid=30192> Acesso em: 03 de março de 2021.

CNE. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP nº 4, de 17 de dezembro de 2018. Institui a Base Nacional Comum Curricular na Etapa do Ensino Médio (BNCC-EM), como etapa final da Educação Básica, nos termos do artigo 35 da LDB, completando o conjunto constituído pela BNCC da Educação Infantil e do Ensino Fundamental, com base na Resolução CNE/CP nº 2/2017, fundamentada no Parecer CNE/CP nº 15/2017. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=104101-rcp004-18&category_slug=dezembro-2018-pdf&Itemid=30192> Acesso em: 04 de março de 2021.

CNE. Conselho Nacional de Educação. Parecer CNE/CP nº 22, de 07 de novembro de 2019. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial de Professores para a Educação Básica e Base Nacional Comum para a Formação Inicial de Professores da Educação Básica (BNC-Formação). Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=133091-pcp022-19-3&category_slug=dezembro-2019-pdf&Itemid=30192> Acesso em: 02 de março de 2021.

CNE. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP nº 02, de 20 de dezembro de 2019. Define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial de Professores para a Educação Básica e institui a Base Nacional Comum para a Formação Inicial de Professores da Educação Básica (BNC-Formação). Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/docman/dezembro-2019-pdf/135951-rcp002-19/file> Acesso em: 02 de março de 2021.

CNE. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CP nº 01, de 27 de outubro de 2020. Dispõe sobre as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Continuada de Professores da Educação Básica e institui a Base Nacional Comum para a Formação Continuada de Professores da Educação Básica (BNC-Formação Continuada). Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=164841-rcp001-20&category_slug=outubro-2020-pdf&Itemid=30192> Acesso em: 31 março 2021

DEMO, Pedro. Introdução à metodologia da ciência. 2º ed. São Paulo: Atlas, 1985.

DI PIERRO, Maria Clara. Notas sobre a redefinição da identidade e das políticas públicas de educação de jovens e adultos no Brasil. Educ. Soc., Campinas , v. 26, n. 92, p. 1115-1139, Oct. 2005. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73302005000300018&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 05 Abril. 2021.

DI PIERRO, Maria Clara; JOIA, Orlando; RIBEIRO, Vera Masagão. Visões da educação de jovens e adultos NO Brasil. CEDES , Campinas, v. 21, n. 55, pág. 58-77, novembro de 2001. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-32622001000300005&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 6 abril 2021.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: Saberes Necessários à Prática da Autonomia. São Paulo, SP. Paz e Terra. 1996.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas. Agência IBGE Notícias. PNAD Educação 2019: Mais da metade das pessoas de 25 anos ou mais não completaram o ensino médio. Disponível em: <https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/28285-pnad-educacao-2019-mais-da- metade-das-pessoas-de-25-anos-ou-mais-nao-completaram-o-ensino-medio> Acesso em: 30 março 2021.

IMB. Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos. Censo Escolar 2016. Perfil e Características dos Docentes do Estado de Goiás. Disponível em: <https://www.imb.go.gov.br/files/docs/releases/censo-escolar-educacao-basica/censo-escolar-educacao-basica-2016.pdf> Acesso em 05 de abril de 2021.

INEP. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Sinopse Estatística da Educação Básica 2020. Brasília. Inep. 2021a. Disponível em: < https://www.gov.br/inep/pt-br/areas-de-atuacao/pesquisas-estatisticas-e-indicadores/censo-escolar/resultados> Acesso em: 01 abril 2021.

INEP. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Censo Escolar 2020. Divulgação dos Resultados. Brasília. Inep. 2021b Disponível em: < https://download.inep.gov.br/censo_escolar/resultados/2020/apresentacao_coletiva.pdf> Acesso em: 06 abril 2021.

JEFREY, Debora Cristina; CAMARGO, Poliana da Silva Almeida. Formação de professores para a Educação de Jovens e Adultos: desafios e possibilidades In: PARENTE, Cláudia da Mota Darós; VALLE, Luíza Elena L. Ribeiro; MATTOS, Maria José Viana Marinho. A Formação de Professores e seus desafios frente às mudanças sociais, políticas e tecnológicas. Porto Alegre/RS. Penso. 2015

LIBÂNEO, José Carlos. Adeus Professor, Adeus Professora? Novas exigências educacionais e profissão docente. São Paulo/SP. Cortez. 1998.

TPE. Todos pela Educação. Anuário Brasileiro da Educação Básica 2020. Disponível em: <https://todospelaeducacao.org.br/wordpress/wp-content/uploads/securepdfs/2020/10/Anuario-Brasileiro-Educacao-Basica-2020-web-outubro.pdf> Acesso em 04 abril 2021

.

TRIVIÑOS, Augusto Nibaldo Silva. Introdução à Pesquisa em Ciências Sociais: a pesquisa qualitativa em educação. 1º ed (25º reimp.) São Paulo. Atlas, 2019.

VENTURA, Jaqueline. A EJA e os Desafios da Formação Docente nas Licenciaturas. Revista da FAEEBA; Brumado Vol. 21, Ed. 37, (2012). Disponível em: <https://search.proquest.com/docview/2187952461?pq-origsite=gscholar&fromopenview=true> Acesso em: 05 abril 2021.

Downloads

Publicado

2022-08-28

Como Citar

MESQUITA SILVA, M. C. ., RODRIGUES GONÇALVES DE PAIVA, A., & DE OLIVEIRA BRITO, R. (2022). A FORMAÇÃO DOCENTE PARA ATUAÇÃO NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: CAMINHOS PELO DIREITO DE APRENDER. Linguagens, Educação E Sociedade, 25(49). https://doi.org/10.26694/rles.v25i49.2772