Efficacy of hand hygiene products: A quasi-experimental study

Autores

  • Érica de Sousa Batista Universidade Federal do Piaui. Picos, Piauí, Brasil.
  • William Caracas Moreira Universidade Federal do Piaui. Picos, Piauí.
  • Ana Patrícia de Alencar Rego Universidade Federal do Piauí, Picos, Piauí.
  • Miriam Rodrigues de Sá Universidade Federal do Piauí, Picos, Piauí.
  • Aline Raquel de Sousa Ibiapina Universidade Federal do Piauí, Picos, Piauí.
  • Francisco Gilberto Fernandes Pereira Universidade Federal do Piauí, Picos, Piauí.

DOI:

https://doi.org/10.26694/reufpi.v10i1.811

Palavras-chave:

Higiene das mãos, Antissepsia, Controle de qualidade

Resumo

Objetivo: comparar a eficácia de produtos de higienização das mãos. Metodologia: estudo quase-experimental, do tipo antes e depois, realizado em laboratório de microbiologia de uma instituição de ensino superior piauiense, com 15 acadêmicos de enfermagem. A coleta de dados foi realizada a partir da testagem dos produtos: detergente neutro, álcool gel 70%, iodopovidona 10% e clorexidina 2%. Os dados foram analisados por meio da ocbservação qualitativa da presença de microrganismos após coloração de Gram nos meios de cultura. Resultados: o detergente neutro e o álcool gel 70% possuíram ação semelhante quanto à presença de bactérias identificadas nas amostras, a iodopovidona 10% possibilitou a redução de cocos e bacilos Gram positivos e negativos, e a clorexidina 2% conseguiu eliminar maior variedade de bactérias, incluindo os bacilos Gram negativos, sarcinas, estreptobacilos e estreptococos. Conclusão: a higienização das mãos com clorexidina a 2% apresentou qualitativamente maior potencial para redução de microrganismos.

Publicado

2021-04-12

Como Citar

Batista, Érica de S. ., Moreira, W. C., Rego, A. P. de A., Sá, M. R. de, Ibiapina, A. R. de S., & Pereira, F. G. F. (2021). Efficacy of hand hygiene products: A quasi-experimental study. Rev Enferm UFPI, 10(1). https://doi.org/10.26694/reufpi.v10i1.811

Edição

Seção

Original