Art therapy in the promotion of mental health: an experience report

Autores

  • Raphaella Castro Jansen Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Redenção, Ceará, Brasil.
  • Iorana Candido da Silva Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Redenção, Ceará,
  • Maria Rayssa do Nascimento Nogueira Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Redenção, Ceará, Brasil.
  • Vitória Costa Oliveira Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Redenção, Ceará, Brasil.
  • Marianna Carvalho e Souza Leão Cavalcanti Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Redenção, Ceará, Brasil.
  • Lívia Moreira Barros Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Redenção, Ceará, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.26694/reufpi.v10i1.805

Palavras-chave:

Saúde mental, Promoção da Saúde, Enfermagem Psiquiátrica, Psicoterapia de grupo, Terapia Ocupacional

Resumo

Objetivo: relatar a experiência da utilização da arteterapia como instrumento de promoção da saúde mental. Metodologia: trata-se de um relato de experiência de uma ação sobre a prática da arteterapia desenvolvida por acadêmicas de Enfermagem em julho de 2019. A atividade aconteceu em uma unidade de semi-internação de um Hospital-Dia e contou com a participação de 20 pacientes adultos com faixa etária entre 20 e 45 anos. A ação foi organizada seguindo as fases de planejamento, implementação e discussão da atividade em grupo. Resultados: a ação visou despertar a participação dos pacientes com transtornos mentais para favorecer esclarecimentos, reduzir inquietações, ansiedade e autorreflexão. Os pacientes participaram de forma efetiva da atividade, expressaram seus sentimentos, emoções, ou relataram algum fato da sua vida e cotidiano relacionado à sua produção que lhes significasse felicidade, de maneira a promover a sua saúde mental. Conclusão: conclui-se que a arteterapia é importante para fornecer interação direta entre o grupo terapêutico e os profissionais, visto que houve partilha de emoções e sentimentos, além da percepção dos pacientes sobre sua realidade.

Publicado

2021-04-10

Como Citar

1.
Jansen RC, Silva IC da, Nogueira MR do N, Oliveira VC, Cavalcanti MC e SL, Barros LM. Art therapy in the promotion of mental health: an experience report. Rev Enferm UFPI [Internet]. 10º de abril de 2021 [citado 24º de maio de 2024];10(1). Disponível em: https://periodicos.ufpi.br/index.php/reufpi/article/view/805

Edição

Seção

Relato de Experiência

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)