Reflexões sobre a morte, o luto e a emoção no contexto pandêmico: entre os olhares de Norbert Elias e Mauro Koury

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26694/rer.v6i1.13891

Palavras-chave:

Morte, Luto, Emoção, Mauro Koury, Norbert Elias

Resumo

Este artigo apresenta contribuições teóricas sobre o fenômeno do luto, da morte e das emoções como parte das reflexões desenvolvidas por Koury (2003, 2004, 2005), pioneiro na consolidação teórica e metodológica de pesquisas em Antropologia e Sociologia das Emoções no Brasil, analisando as inter-relações entre emoções, indivíduo e sociedade, principalmente na contemporaneidade urbana brasileira. O tema do luto e da morte foi trabalhado enquanto recorte para pensar os processos de mudança comportamental entre a ideia de sociedade tradicional e relacional, para padrões mais individualizados e intimistas, experienciados por classes médias e populares de cidades do Brasil. O artigo também teceu considerações sobre a influência que Norbert Elias pareceu desenvolver no pensamento de Koury e suas formulações conceituais a respeito da vergonha, embaraço, autocontrole, entre outros, fundamentais no olhar de Koury (2003) em relação à formação de um ser discreto.

Biografia do Autor

Alexandre Paz ALmeida, Universidade Estadual do Piauí

Professor adjunto da Universidade Estadual do Piauí, Campus Parnaíba, Curso de Ciências Sociais

Referências

ARENDT, Hannah. Eichmann em Jerusalém: um relato sobre a banalidade do mal. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.

ARENDT, Hannah. A condição humana. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2007.

DAMATTA, Roberto. A casa e a rua: espaço, cidadania, mulher e morte no Brasil. Rio de Janeiro: Guanabara, 1987.

COSTA, Lúcia Maria de Sá Antunes e BUENO, José Luiz de Carvalho. Teresina, Cidade Verde: Para além da imagem poética, uma necessidade. Equador, v. 5, n. 3, 2016, p.458-478.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano: a arte de fazer. Petrópolis: Vozes, 2014.

ELIAS, Norbert. A solidão dos moribundos, seguido de envelhecer e morrer. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001.

ELIAS, Norbert. O processo civilizador. (2.vol.) Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1994.

ELIAS, Norbert. A sociedade dos indivíduos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1994a.

FREYRE, Gilberto. Casa-grande e senzala: formação da família brasileira sob o regime da economia patriarcal. São Paulo: Global, 2003.

GOFFMAN, Erving. A representação do eu na vida cotidiana. Petrópolis: Vozes, 1985.

HOLANDA, Sérgio Buarque de. Raízes do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro. Introdução a sociologia da emoção. João Pessoa: Manufatura, GREM, 2004.

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro. Sociologia da emoção: o Brasil urbano sob a ótica do luto. Petrópolis: Vozes, 2004a.

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro. Amor e Dor: ensaios em antropologia simbólica. Recife: Bagaço, 2005.

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro. Pela consolidação da sociologia e da antropologia das emoções no Brasil. Revista Sociedade e Estado, v. 29, n. 3, 2014.

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro. Sobre perdas, dor, morte e morrer na cidade de João Pessoa-PB: um estudo em antropologia das emoções. Recife/João Pessoa: Bagaço/Edições do GREM, 2018.

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro. Os homens comuns pobres na expansão do núcleo urbano de João Pessoa, PB: A periferização da cidade. In Sociabilidades Urbanas - Revista de Antropologia e Sociologia, GREM-GREI, v. 2, n. 5, 2018a.

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro. Tempos de Pandemia: Reflexões sobre o caso Brasil. João Pessoa: (GREM-GREI); Florianópolis: Tribo da Ilha, 2020.

MAUSS, Marcel. “A expressão obrigatória dos sentimentos”. In, Ensaios de Sociologia. São Paulo: Perspectiva, 2001.

NETO, Odilon Caldeira. Sob o signo do sigma: integralismo, neointegralismo e o antissemitismo. Maringá: EDUEM, 2014.

MARX, Karl. Os 18 brumários de Luís Bonaparte. São Paulo: Boitempo, 2011.

SCHUTZ, Alfred. A construção significativa do mundo social: Uma introdução à sociologia compreensiva. Rio de Janeiro: Vozes, 2018.

SENNETT, Richard. O declínio do homem público: as tiranias da intimidade. São Paulo: Companhia das Letras, 1988.

SIMMEL, Georg. [1903]. As grandes cidades e a vida do espírito. Mana, v.11, n. 2, 2005, p. 577-591.

Downloads

Publicado

2023-10-22

Como Citar

PAZ ALMEIDA, A. . Reflexões sobre a morte, o luto e a emoção no contexto pandêmico: entre os olhares de Norbert Elias e Mauro Koury. Revista EntreRios do Programa de Pós-Graduação em Antropologia, [S. l.], v. 6, n. 1, p. 80-97, 2023. DOI: 10.26694/rer.v6i1.13891. Disponível em: https://periodicos.ufpi.br/index.php/entrerios/article/view/5144. Acesso em: 17 abr. 2024.