Mortality by suicide in Piauí, 2010 to 2018

Autores

  • Francisca Miriane de Araújo Batista
  • Layana Pachêco de Araújo Albuquerque
  • Giovanna de Oliveira Libório Dourado
  • Malvina Thaís Pacheco Rodrigues
  • Fábio Solon Tajra
  • Natália Pereira Marinelli UFPI

DOI:

https://doi.org/10.26694/reufpi.v11i1.2925

Palavras-chave:

Suicídio, Mortalidade, Epidemiologia

Resumo

Objetivo: Descrever as características da mortalidade por suicídio no estado do Piauí, no período de 2010 a 2018. Métodos: Estudo transversal, realizado a partir dos registros de óbitos no Sistema de Informação sobre Mortalidade do Ministério da Saúde, cuja causa básica foi lesão autoprovocada intencionalmente. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva. Resultados: Foram notificados 2.261 óbitos por suicídio no Piauí, sendo que a maior parte ocorreu na faixa etária de 20 a 29 anos, nas regiões de saúde Entre Rios e Guaribas, por enforcamento ou intoxicação exógena. Nos homens, passou de 9,9/100 mil habitantes, em 2010, para 11,7/100 mil habitantes, em 2018. Em mulheres, a taxa de mortalidade foi mais acentuada, passando de 3,1/100 mil habitantes, em 2010, para 4,5/100 mil habitantes, em 2018. Conclusão: O suicídio é um problema de saúde pública no Piauí, sendo necessária a adoção de medidas efetivas para prevenção e controle.  

Publicado

2022-12-31

Como Citar

1.
Batista FM de A, Albuquerque LP de A, Dourado G de OL, Rodrigues MTP, Tajra FS, Marinelli NP. Mortality by suicide in Piauí, 2010 to 2018. Rev Enferm UFPI [Internet]. 31º de dezembro de 2022 [citado 15º de julho de 2024];11(1). Disponível em: https://periodicos.ufpi.br/index.php/reufpi/article/view/2925

Edição

Seção

Original

Artigos Semelhantes

1 2 3 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)