Drenagem de tórax em pacientes com COVID-19
PDF (Texto Completo)

Palavras-chave

drenagem
tórax
unidade de terapia intensiva
COVID-19
coronavirus

Como Citar

Reinaldo, L. G. C. ., Alencar, A. de S., Leite, C. B. C. ., Silva, I. de M. ., Martins, T. B. P. ., Lima, M. de F. de B. C. N. ., & Cardoso, V. P. . (2021). Drenagem de tórax em pacientes com COVID-19. Jornal De Ciências Da Saúde Do Hospital Universitário Da UFPI, 4(1), 9-16. Recuperado de https://periodicos.ufpi.br/index.php/rehu/article/view/844

Resumo

Objetivos: descrever a experiência e os resultados da equipe cirúrgica do Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU UFPI) na realização de drenagem torácica na unidade de terapia intensiva (UTI) covid. Métodos:  estudo retrospectivo que se analisou os prontuários médicos dos pacientes submetidos à drenagem torácica no período de abril a agosto de 2020. Durante esse período, 13 pacientes com exames positivos para Covid 19 foram submetidos ao procedimento. Variáveis estudadas: idade, gênero, indicação da drenagem de tórax, uso ou não de ventilação mecânica, desfecho (alta da UTI ou óbito). A drenagem de tórax foi realizada sempre por um residente de cirurgia geral, sob orientação de um cirurgião geral. Resultados: idade média dos pacientes foi de 67.7 anos, sendo que 69.2% eram do sexo masculino. A indicação mais frequente foi pneumotórax espontâneo com 61.5% dos casos, pneumotórax secundário 15.38% e derrame pleural em 15.38%. Uso de ventilação mecânica em 84.6%. Melhoria do padrão respiratório e da expansibilidade pulmonar ocorreu em 61.5%. Não houve complicações e mortalidade relacionada ao procedimento. Tais pacientes tiveram como desfecho óbito em 76.9% e melhora clínica em 23.1% dos casos. Conclusão: concluímos que a drenagem de tórax, quando realizado com base em protocolos, é segura e altamente eficaz para o tratamento de complicações pulmonares do Covid-19, como pneumotórax e derrame pleural.

PDF (Texto Completo)