REFLEXÕES TEÓRICAS-METODOLÓGICAS SOBRE A AÇÃO COMUNICATIVA DE JÜRGEN HABERMAS E A DIALOGICIDADE DE PAULO FREIRE: UM ESTUDO SOBRE A APRENDIZAGEM DIALÓGICA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26694/epeduc.v6i3.4044

Palavras-chave:

Ação comunicativa. Aprendizagem dialógica. Planejamento escolar.

Resumo

Este artigo é resultado de um estudo que teve como objetivo compreender o conceito de aprendizagem dialógica sob a perspectiva da teoria da ação comunicativa de Jürgen Habermas e da dialogicidade de Paulo Freire, analisando a possibilidade da aprendizagem dialógica no planejamento escolar na turma de 2º ano em uma escola pública do município de Carpina-PE. Tratou-se de um estudo qualitativo, em que o instrumento utilizado para coleta de dados foi o questionário, com a finalidade de analisar com precisão o objeto de estudo. Possibilitando compreender a aprendizagem dialógica e seus princípios e a possibilidade do envolvimento no planejamento escolar, levando em consideração a sociedade atual e a realidade dos agentes educativos envolvidos. Ao concluir este estudo, alcançamos o objetivo proposto, resultando na compreensão da aprendizagem dialógica frente as teorias metodológicas dos autores estudados e as possibilidades da aprendizagem dialógica no planejamento escolar.

Biografia do Autor

Rafaella Dias Alexandre da Silva , UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO

Pós-graduanda em Educação Inclusiva/Especial pela Universidade de Pernambuco, pedagoga pela Universidade de Pernambuco – Campus Mata Norte. Pernambuco. Brasil. Email: rafaella.dias@upe.br

Odaléa Feitosa Vidal, UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO

Doutora em Educação pela Universidade Federal de Alagoas (2015). Mestra em Educação (UFAL). Especialização em Estratégias Didáticas na educação básica, com uso das TIC (UFAL). Graduação em Pedagogia (UFAL). É Professora adjunta no Curso de Pedagogia e Professora Permanente no Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Educação (PPGE) da Universidade de Pernambuco (UPE), Campus Mata Norte. Participa do Grupo de Pesquisas Interdisciplinares em Formação de Professores, Política e Gestão Educacional (FORPOGE) e Coordena a linha de pesquisa "Currículo, Avaliação e Tecnologia" no Grupo de Estudo e Pesquisa em Políticas Educacionais, Sujeitos, Docência e Currículo (POSDOC). Tem experiência na área de Política e Gestão Educacional; Avaliação; Educação e Tecnologias; Currículo; Educação Infantil; Inovação Pedagógica.

Referências

AUBERT, A. et al. Aprendizaje dialógico en la sociedad de la información. Barcelona: Hipatia Editorial, 2008. Acesso em: https://practicasprofesionalesunsa.files.wordpress.com/2015/05/aubert-y-otros-aprendizaje-dialc3b3gico-en-la-sociedad-de-la-informacic3b3n.pdf

AUSUBEL, D. P. Psicologia educacional. Rio de Janeiro: Interamericana, 1968.

BARDIN, L.. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011. Acesso em: https://ia802902.us.archive.org/8/items/bardin-laurence-analise-de-conteudo/bardin-laurence-analise-de-conteudo.pdf

ELBOJ, C. et al. Comunidades de Aprendizaje: transformar la educación. Barcelona: Graó, 2003. Acesso em: https://www.comunidadedeaprendizagem.com/uploads/materials/582/e556e7c448d9239442c1d1f1c02a0082.pdf

FLECHA, R. Compartiendo palabras: el aprendizaje de las personas adultas através del diálogo. Barcelona: Editorial Paidós, 1997. Acesso em: https://teorialiteraria2009.files.wordpress.com/2009/05/flecha-ramon-manuel.pdf

FLECHA, R.; GÓMEZ, J.; PUIGVERT, L. Teoría sociológica contemporánea. Barcelona: Editorial Paidós, 2001. Acesso em: https://pics.unison.mx/maestria/wp-content/uploads/2020/05/Teoria_sociologica_contemporanea.pdf

FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 30ª edição 2004. Acesso em: https://nepegeo.paginas.ufsc.br/files/2018/11/Pedagogia-da-Autonomia-Paulo-Freire.pdf

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 42. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2005. Acesso em: http://www.letras.ufmg.br/espanhol/pdf/pedagogia_do_oprimido.pdf

FREIRE, P. Educação como prática da liberdade, Rio de Janeiro: Paz e Terra, 29º edição, 2006. Acesso em: http://www.gestaoescolar.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/otp/livros/educacao_pratica_liberdade.pdf

FREIRE, P.; MACEDO, D. Alfabetização: leitura do mundo leitura da palavra. São Paulo: Paz e Terra, 2005. Acesso em: https://www.scielo.br/j/er/a/LpLwRcpfdjWvhvBvq66KFLq/?format=pdf&lang=pt

GABASSA, V. Contribuições para a transformação das práticas escolares: racionalidade comunicativa em Habermas e dialogicidade em Freire. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de São Carlos, 2006. Acesso em: https://repositorio.ufscar.br/bitstream/handle/ufscar/2417/1413.pdf?sequence=1&isAllowed=y

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2011. Acesso em: https://ayanrafael.files.wordpress.com/2011/08/gil-a-c-mc3a9todos-e-tc3a9cnicas-de-pesquisa-social.pdf

GIROTTO, V. C.; MELLO, R. R. Leitura dialógica na escola: espaço de aprendizagem e transformação das relações. In: CONGRESSO DE LEITURA O BRASIL - COLE, 17.,2009, São Carlos. Acesso em: https://revistas.ufg.br/interacao/article/view/18869/11241

HABERMAS, J. Teoría de la acción comunicativa. (v.I). Racionalidad de la acción y racionalización social. Madrid: Taurus, 1987. Acesso em: https://pics.unison.mx/doctorado/wp-content/uploads/2020/05/Teoria-de_la_accion_comunicativa-Habermas-Jurgen.pdf

MINAYO, Maria Cecilia de Souza. La artesanía de la investigación cualitativa. In: La artesanía de la investigación cualitativa. 2009. p. 334-334. Acesso em: https://revistas.unc.edu.ar/index.php/RSD/article/view/6842/7920

Downloads

Publicado

2023-12-28

Como Citar

DIAS ALEXANDRE DA SILVA , R. .; FEITOSA VIDAL, O. . REFLEXÕES TEÓRICAS-METODOLÓGICAS SOBRE A AÇÃO COMUNICATIVA DE JÜRGEN HABERMAS E A DIALOGICIDADE DE PAULO FREIRE: UM ESTUDO SOBRE A APRENDIZAGEM DIALÓGICA. Epistemologia e Práxis Educativa - EPEduc, [S. l.], v. 6, n. 3, p. 1 - 32, 2023. DOI: 10.26694/epeduc.v6i3.4044. Disponível em: https://periodicos.ufpi.br/index.php/epeduc/article/view/4044. Acesso em: 2 mar. 2024.