A RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA NO CURSO DE PEDAGOGIA - UNB: CONTRIBUIÇÕES E DESAFIOS

Autores

  • Larissa Soares Nogueira
  • Maria Emília Gonzaga de Souza

DOI:

https://doi.org/10.26694/epeduc.v4i2.13126

Palavras-chave:

Formação Inicial de Professores, Programa de Residência Pedagógica (PRP), Ensino Médio, Currículo Integrado

Resumo

O presente artigo teve como tema gerador a Residência Pedagógica no curso de pedagogia e para tanto, objetivou-se com este trabalho analisar e perceber as contribuições e desafios que a Residência Pedagógica - RP promoveu aos residentes do curso de Pedagogia da Universidade de Brasília - UnB. O artigo é um recorte da minha monografia defendida em 2019. A pesquisa foi feita com os residentes do curso de Pedagogia da UnB, pautando-se na pesquisa de cunho qualitativo. Os dados foram coletados através de um questionário enviado aos residentes, que somam-se 24 e obteve-se o quantitativo de 16 respondentes. Com a pesquisa, percebeu-se alguns dos desafios da RP para os residentes, como: a relação com os agentes da escola que abrange a falta de reuniões, diálogo e união; aceitação de alguns professores quanto aos residentes; dificuldade pedagógica de fazer planos de aula e de ter estratégias metodológicas e entendimento errôneo sobre a atuação dos residentes na escola. No entanto, com a pesquisa, entendeu-se que, embora os desafios, a RP tem colaborado firmemente com a formação dos residentes do curso de Pedagogia-UnB, principalmente no que diz respeito à construção da sua identidade docente; à promoção de vivências e experiências nos demais campos da escola e à promoção de uma melhor compreensão sobre a docência. O artigo contou com os estudos de Gatti (2010); Imbernón (2001, 20015); Veiga (2002) e demais autores que foram imprescindíveis para o desenvolvimento das discussões.

Publicado

2021-11-22

Como Citar

SOARES NOGUEIRA, L. .; GONZAGA DE SOUZA, M. E. . A RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA NO CURSO DE PEDAGOGIA - UNB: CONTRIBUIÇÕES E DESAFIOS. Epistemologia e Práxis Educativa - EPEduc, [S. l.], v. 4, n. 2, 2021. DOI: 10.26694/epeduc.v4i2.13126. Disponível em: https://periodicos.ufpi.br/index.php/epeduc/article/view/1883. Acesso em: 6 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos